domingo, 18 de abril de 2010

Histórias de mães e de crianças...



Vá pra China
Por Luci Ane G. Melo
17/04/2010-07:47
Mãe é verdade que tudo na China é mais barato?
Sim filho... é verdade em parte.
Então me leva lá pra comprar um amigo
Um amigo Pedrinho...
Mas amigo não se compra...
Nem mesmo na China.
Você não acha, mãe, que se vendessem amigos
As pessoas seriam muito mais felizes?
De onde você tirou essa idéia de comprar um amigo.
Ora, mãe,
outro dia eu falei pro pai
que estava me sentindo muito sozinho
E queria que vocês encomendassem
um irmãozinho pra mim.
Ele me respondeu só se for na China.
Na China vendem irmãozinhos?
Não meu filho, lá também não vendem irmãos.
O que aconteceu é que naquele dia o seu pai
estava aborrecido com a sua mãe
e então, não queria nem falar em irmãozinho.
E agora mãe, ele já pode conversar sobre isso?
Creio que agora ele queira sim falar sobre o assunto,
Mas sou eu quem vai lhe contar a novidade...
Nós já encomendamos um irmãozinho pra você
E daqui a alguns meses ele vai chegar.
Oba...
vou ter um irmãozinho
Ele vai ser meu grande amigo.
Obrigada mãe por convencer o pai a encomendar
Meu irmãozinho.
Mas, mãe...
ele vai encomendá-lo de onde?
E mãe acho que é da China.
Pedrinho...
Não comece com essa história novamente
e vá lavar as suas mãos pra jantar.

4 comentários:

Luci Ane disse...

Criança tem dessas coisas.
Que mãe não teve um dialogo parecido com seu filho em algum momento de suas vidas.
Quando eu era criança, achava que só eu iria me lembrar de meu tempo de infância, quando cresci e descobri que a minha mãe também gostava de se lembrar.
Hoje eu repito a história.
E invento outras tantas.

*Adriana disse...

Luci Ane, vc é conta histórias como ninguém, muito boa esta! Engraçado é que minha filha teve uma conversa parecida com esta, quando ela tinha 6 anos.

abçs
Adriana

Luci Ane disse...

Adriana
Essa história saiu de um sonho, assim como tantas outras que já escrevi.
Creio que eu devia estar pensando nas conversas que tinha com meu filho quando era pequeno. É a saudade desse tempo, pois ele casou a 2 meses, afinal já estava com 25 anos.
E a vida segue seu rumo.
Beijos.

Luci Ane disse...
Este comentário foi removido pelo autor.